A Síndrome de Burnout e suas particularidades em profissionais de enfermagem no serviço de pronto atendimento emergencial

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Rosimeire da Silva
Izabel Luiza dos Anjos Muniz
Sadrake Tarsis Porto
Viviane Araujo Cardoso

Resumo

O objetivo desse trabalho foi reunir e revisar as possíveis reações psicoemotivas que permeiam as equipes de enfermagem e os fatores que desencadeiam a Síndrome de Burnout, principalmente no setor emergencial, pois estes profissionais estão constantemente em contato com elevados níveis de pressão e exigências do setor, estando propensos a apresentarem quadros de desgaste emocional consideravelmente mais intensos, o que pode levar à saturação do estado psicológico. Por meio dessa revisão narrativa, foi possível evidenciar as causas e as susceptibilidades trabalhistas específicas que predispõem ao surgimento desta patologia nos profissionais de enfermagem, assim como sugerir potenciais métodos de intervenção para reduzir os níveis de estresse ocupacional e, consequentemente, prevenir o desenvolvimento do distúrbio. Portanto, a Síndrome de Burnout é frequente e acomete muitos profissionais no ramo da enfermagem, no entanto essa ocorrência ainda é subestimada no Brasil. Diante disso, faz-se necessária a implementação de um diagnóstico efetivo do quadro patológico, para que a partir disso sejam implementadas medidas eficazes de prevenção e cuidados à saúde dos trabalhadores.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
da SilvaR., MunizI. L. dos A., PortoS. T., & CardosoV. A. (2021). A Síndrome de Burnout e suas particularidades em profissionais de enfermagem no serviço de pronto atendimento emergencial. Revista Eletrônica Acervo Enfermagem, 10, e6416. https://doi.org/10.25248/reaenf.e6416.2021
Seção
Artigos